QUILOMBOS EXIGEM DO INCRA AGILIDADE NA REGULARIZAÇÃO DAS TERRAS

Em informe, Noticias por Observatório BúziosDeixe um Comentário

No dia 09 de março, quarta feira, quilombolas do estado do Rio de Janeiro,  representantes da Associação de Comunidades Remanescentes de Quilombos do Estado do Rio de Janeiro (ACQUILERJ) e fundação Palmares se reuniram na sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) na cidade do Rio de Janeiro. Entre os presentes estavam representantes dos quilombos de Baia Formosa, Maria Joaquina, Rasa, entre outros.  A reunião teve como objetivo exigir do INCRA  o avanço dos processos territoriais que se encontram parados. Cada representante apresentou suas questões prioritárias ao INCRA relacionadas a regularização de cada área quilombola existente no estado do Rio de Janeiro.

Foto Joil - mod

Joil Pinto, quilombola de Baía Formosa

Segundo Joil , representante do quilombo de Baia Formosa,  esse processo de regularização das terras do quilombo  vem se arrastando por três anos, sendo essa a segunda reunião que a comunidade participa com o INCRA na tentativa de alcançar uma solução para a questão. Segundo Joil o INCRA relatou que falta recursos financeiros para se deslocar e fazer o trabalho de campo.

 

A reunião não teve nenhum encaminhamento concreto, mas ouve um indicativo de uma nova reunião junto ao prefeito e secretario de urbanismo a ser marcada.

Joil reconhece que há muitos processos tramitando no INCRA, que encontram-se parado devido precariedade da instituição que não conseguem dar conta das diversas demandas. Para ele é um processo muito difícil e custa a acreditar que as terras serão devolvidas aos quilombolas.