SOCIEDADE CIVIL PLANEJA PLANO DE TRABALHO

Em informe, Noticias por Observatório AraruamaDeixe um Comentário

Coordenação dos movimentos sociais e populares que compõe a Comissão da lagoa de Araruama formalizam os grupos de trabalho

Na Câmara de Vereadores de Iguaba Grande no dia 10 de novembro o Observatório Araruama participou da reunião da Coordenação dos movimentos sociais e populares que compõe a Comissão da Lagoa de Araruama (CLARA) com o objetivo de definir a estrutura dos grupos de trabalho que deverão fornecer subsídio para as reuniões da Comissão com o poder público.p1070263

A reunião contou com a participação dos representantes do NEA-BC, do Movimento Salve a Lagoa, do Movimento Lagoa Urgente, do Observação e dos pescadores de Arraial do Cabo que lutam pela revitalização da Laguna de Araruama. Segundo os representantes, somente com a participação massiva da sociedade civil a laguna superará o atual estágio de degradação.

p1070275Um dos momentos da reunião foi à palestra ministrada pelo participante do Observatório Flavio Gomes, especialista em ecologia marinha com o tema Bacia Hidrográfica. Flavio Gomes apontou em sua apresentação as características de uma região hidrográfica, principalmente a Laguna de Araruama e os impactos que a mesma tem sofrido pela poluição antrópica. Flavio destacou também a importância de conhecer as leis que fiscalizam a utilização desse recurso hídrico necessário para a manutenção do equilíbrio e continuidade da vida, como os parâmetros do CONAMA utilizados para as análises da qualidade da água.

Essas análises são realizadas pelas concessionárias Águas de Juturnaíba e Prolagos, que são responsáveis pelo tratamento de esgoto e água da região e para reivindicar possíveis erros nas análises, a sociedade civil necessita conhecer esses parâmetros que estão embasados em leis.

Comissão tem como objetivo a mobilização

A Comissão da lagoa de Araruama tem como objetivo geral contribuir através da sensibilização e mobilização para recuperação da laguna de Araruama durante uma das reuniões ocorridas foi sugerido que os participantes representantes da sociedade civil se reunissem para debater alguns pontos sem a presença das concessionárias e do poder público para estruturar informações como um preparo prévio para as reuniões da CLARA. O Senhor Robério, representante do Movimento Lagoa Urgente, destacou a necessidade desse preparo de concretização das informações para qualquer debate que envolva sociedade civil e poder público para dar embasamento as nossas reivindicações.